Medalha de mérito Ayrton Senna é entregue pela Câmara em sessão solene

Publicado em: 04 de outubro de 2017

Selecione a Imagem

A Câmara Municipal de Americana realizou na terça-feira (3) sessão solene de entrega de medalha de mérito “Ayrton Senna” ao atleta Edison Antiqueira Fassina, pelos relevantes serviços prestados no âmbito do esporte no município. A homenagem foi motivada por projeto de decreto legislativo de autoria do vereador Thiago Brochi (PSDB).

 

Participaram da solenidade os vereadores Rafael Macris (PSDB), Thiago Brochi e Thiago Martins (PV) e o secretário municipal de Esportes, Osvaldo Klein Neto, além de convidados, amigos e familiares dos homenageados.

 

Durante o uso da palavra, o vereador Thiago Brochi enalteceu a história de trabalho do homenageado. “Conheço o Fassina há muito tempo e ele é uma pessoa do bem, extremamente profissional e que faz falta no setor público, principalmente no esporte de Americana. Ele fez a diferença com seu caráter e sua honestidade. Sua passagem pelo Rio Branco é lembrada até hoje por todos que contam sua história e por isso ele é merecedor dessa justa homenagem”, discursou.

 

“Existem algumas figuras emblemáticas em Americana que a gente ouve falar muito, e o Edison Fassina é uma delas. Ele tem muitas histórias, positivas, engraçadas e de representatividade no quesito do esporte. Se for levar em consideração sua atuação no futebol de salão, no Rio Branco e revelando jogadores de futebol da cidade, já é uma homenagem merecida, mas para coroar vem a atuação na prefeitura como secretário adjunto, que deixou muitos ensinamentos que vão durar por anos e anos”, afirmou Rafael Macris.

 

Fassina utilizou a palavra para agradecer a medalha recebida. “É muito bom ser homenageado em vida, me deixou muito contente e emocionado. Eu dividiria essa homenagem em duas formas distintas: a primeira, relacionada à questão do esporte. Posso dizer que nesse sentido seria uma homenagem justa, porque sou apaixonado, fissurado pela área esportiva. A segunda, seria relacionada à competência, e eu não ousaria falar em beneficio próprio, correndo o risco da soberba e da vaidade, mas fico contente em saber que posso ter ajudado em algo na área de esportes”, falou o homenageado.

 

Edison Antiqueira Fassina

 

Edison Antiqueira Fassina, 66 anos, é paulista de Jundiaí. Filho de Antonio José Fassina e Helena Antiqueira Fassina, casado com Maria Elena. Pai de Vivian e Vitor Hugo. Avô de Ian e Igor. 

 

Sua trajetória no esporte começou aos 13 anos, estudando no Instituto de Educação Presidente Kennedy, em Americana, onde passou a disputar campeonatos que reuniam representantes de cidades da região. Graduado em Administração de Empresas, jogou futebol de salão no Esporte Clube Condor de Americana, sagrando-se tricampeão municipal nos anos de 1967, 1968 e 1969. Foi campeão municipal nos anos de 1970, 1971 e 1972, no Clube Cultura de Capivari, em Rafard e no Botafogo do Cambuí.

 

Iniciou sua carreira como dirigente de futebol no ano de 1981 no Rio Branco Esporte Clube, após formação no Grupo dos 13 e convidado pelo Sr. Armindo Borelli. De 1989 até 1991 foi vice-presidente dos esportes amadores do Rio Branco Esporte Clube. Entre 1992 e 1993 assumiu a vice-presidência do clube. Seu trabalho contribuiu muito para a manutenção do clube na principal divisão do futebol paulista durante 17 anos consecutivos.

 

Durante sua passagem pelo Rio Branco, Fassina revelou jogadores como Fred, Souza, Alcides Eduardo, Danilinho, Sandro Hiroshi, Mineiro, Marcos Assunção, Flávio Conceição, Marcos Senna, Marcelinho Paraíba, Anailson, Alexandre, Zinha, entre outros.

 

Foi também empresário e procurador de diversos jogadores. Como parceiro das categorias de base do América de São José do Rio Preto de 1997 a 2001, conquistou o título de campeão paulista na categoria infantil no ano de 2000. Participou da montagem do time que consagrou campeão da série A3 pelo Rio Branco Esporte Clube – Americana, em 2012.

 

Foi um dos idealizadores e fundadores do Núcleo de Integração e Desenvolvimento do Ser, instituição sem fins lucrativos fundada em 1995, que tem como objetivo promover, por meio do trabalho voluntário, atividades gratuitas com crianças, jovens e adultos, proporcionando o desenvolvimento pessoal, social, cultural e educacional.

 

Atou como secretário adjunto de esportes na prefeitura municipal de Americana e em empresas trabalhou como relações públicas, gerente administrativo e auditor.  Atualmente trabalha em um escritório de empresários de futebol como coordenador.


Escrito por: Coordenadoria de Comunicação

Categoria: Sessões Solenes

Compartilhe essa notícia

Notícias Relacionadas