Medalha de mérito Herbert de Souza – Betinho é entregue ao 19º BPMI em sessão solene

Publicado em: 11 de setembro de 2018

Selecione a Imagem

A Câmara Municipal de Americana realizou nesta terça-feira (11), no Plenário Dr. Antônio Álvares Lobo, sessão solene para a entrega de medalha de mérito Herbert de Souza – Betinho ao 19° Batalhão de Polícia Militar do Interior, pelos relevantes trabalhos desenvolvidos pelo PROERD – Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência. A homenagem foi motivada por projeto de decreto legislativo de autoria do vereador Thiago Brochi (PSDB).

 

Participaram da solenidade os vereadores Gualter Amado (PRB), Thiago Brochi (PSDB) e Welington Rezende (PRP), o comandante do 19° BPMI, Tenente Coronel Mauro Luchiari Junior, o subcomandante Major Rogério Tackiuchi e o representante da Guarda Municipal inspetor Alves, além de convidados, amigos e familiares dos homenageados.

 

Durante o uso da palavra, o vereador Thiago Brochi destacou a importância do trabalho do PROERD. “Nós conhecemos o trabalho que vocês realizam na cidade e por esse motivo esse é um dia especial, pois falamos um pouquinho desse projeto tão importante. Esse trabalho já atendeu muita crianças e vocês fazem a diferença. Muitas vezes sabemos das dificuldades que elas encontram em casa, mas vocês sabem fazer esse resgatem porque hoje o mundo das drogas é muito fácil e vocês mais do que ninguém sabem que o caminho não é esse”, disse.

 

O comandante do 19° BPMI, Tenente Coronel Mauro Luchiari Junior, falou da importância da homenagem para a corporação. “Uma inciativa dessa é muito importante e agradeço a todos por essa justa homenagem. Conheci o programa quando fui numa formatura e lá me dei conta da grandiosidade do PROERD, da importância de ter o policial dentro da sala de aula, levando essa mensagem para as nossas crianças, de como dizer não às drogas e à violência”, falou.

 

A Cabo da PM Lígia Alves utilizou a palavra para falar em nome de todos os homenageados. “O PROERD tem como maior objetivo levar às nossas crianças a grande responsabilidade das suas decisões, de saber escolher e saber resistir as influencias daqueles que se dizem amigos. Levamos a elas a importância de se sentir seguras e tranquilas quando veem um policial, pois muitas vezes em eventos de grande porte, as crianças se perdem e por medo não vão até um policial e sim vão até um estranho. Quero agradecer a todos que participam desse lindo trabalho. Muito obrigado”, discursou.

 


Escrito por: Coordenadoria de Comunicação

Categoria: Sessões Solenes

Compartilhe essa notícia

Notícias Relacionadas