Inclusão de pessoas com deficiência no mercado de trabalho é discutida na tribuna livre da Câmara

Publicado em: 21 de fevereiro de 2019

Selecione a Imagem

 

A inclusão de pessoas com deficiência no mercado de trabalho foi o tema da tribuna livre “Dr. Waldemar Tebaldi” desta quinta-feira (21), durante a sessão ordinária da Câmara Municipal de Americana. O espaço foi utilizado pelo presidente da APAE Americana (Associação dos Pais e Amigos dos Excepcionais), Anastácio Banov, e pela diretoria de Gestão Corporativa da entidade, Iracema Aparecida dos Santos Ferreira.

 

Durante o uso da palavra, os diretores falaram sobre o programa Mercado de Trabalho/Emprego Apoiado da APAE Americana. Em execução desde 1993, o projeto atua na inserção de pessoas com deficiência no mercado de trabalho. Segundo Iracema, atualmente são 323 pessoas, moradoras de Americana e região, de ambos os sexos e com mais de 16 anos, incluídas no programa. “O programa foi idealizado e estruturado visando atender às necessidades da pessoa com deficiência e às exigências do mercado de trabalho formal, que a cada dia se apresenta mais competitivo”, explicou.

 

Iracema agradeceu ao apoio da Câmara Municipal de Americana, que através do projeto Formadores de Inclusão emprega, desde 2016, três alunos da APAE em setores administrativos da Casa. “Através da capacitação fornecida aos jovens na Câmara, eles conseguem entender o mundo organizacional de uma empresa e se tornam aptos a enfrentar o trabalho em uma empresa sem as dificuldades”, disse.

 

Transmissão das sessões em Libras

 

O presidente da Câmara Municipal de Americana, vereador Luiz da Rodaben, enalteceu a importância do trabalho da APAE e revelou estar em discussão uma parceria com a entidade para que as sessões ordinárias da Câmara passem a contar com um profissional intérprete de Libras (Linguagem Brasileira de Sinais).

 

“Agradeço e parabenizo a APAE pela parceria que já temos desenvolvido ao longo do tempo, e buscamos agora ampliar esse trabalho em conjunto. Isso faz parte da integração que esta Mesa Diretora se dispõe a fazer entre a sociedade e a Câmara Municipal, buscando trazer a população para esta Casa e divulgar o bonito trabalho que a APAE desenvolve. Estamos avaliando a possibilidade da inclusão da transmissão em Libras para melhorar a acessibilidade e levar a discussão dos assuntos de Americana para cada vez mais pessoas”, disse Rodaben.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


Escrito por: Coordenadoria de Comunicação

Categoria: Sessões Ordinárias

Compartilhe essa notícia

Notícias Relacionadas