Câmara entrega título de cidadão americanense a Vanderley Almeida nesta sexta

Publicado em: 05 de maio de 2016

Selecione a Imagem

 

A Câmara Municipal de Americana realiza nesta sexta-feira (6) sessão solene para a entrega do título de cidadão americanense ao senhor Vanderley Almeida, pelos relevantes serviços prestados ao município.

 

A solenidade acontece no Plenário Dr. Antônio Álvares Lobo, a partir das 19h30, e é aberta ao público. A TV Câmara transmite ao vivo, pelo canal 4 da NET.  A homenagem foi motivada por projeto de decreto legislativo de autoria do vereador Luiz da Rodaben (PP).

 

Biografia

 

Vanderley Almeida, nascido na cidade de Ouro Fino-MG, em 02 de Janeiro de 1948, filho de Sebastião Luiz de Almeida e Carmem Carvalho de Almeida. Casado com Cacilda Panfilio, pai de Vanderley Almeida Junior e Vanessa Panfilio Almeida, avô de Guilherme, Vitor e Maria Clara.

 

Mudou-se para Americana em 1962, aos 13 anos de idade, junto com sua família. Estudou no Instituto Presidente Kennedy e se formou em Técnico de Contabilidade na Escola Dom Pedro ll.

 

Iniciou sua vida profissional aos 15 anos na Casa Hermínio como aprendiz. Lá, trabalhou por 15 anos na venda de materiais de construção. Trabalhou ainda nas lojas Opaloca, Rafull, Sanitária Guarani e Irmãos Bendilatti, todas do ramo de materiais de construção.

 

Aceitou o convite de sua esposa, então ainda namorada, na fundação da loja Kacyumara, com a parceria de toda a família. Após o casamento, trabalharam juntos na Kacyumara, crescendo na área do comércio de cama, mesa e banho. A empresa cresceu e em 1979 adquiriu os terrenos da loja na Av. Afonso Pansan nº 635, Parque Primavera Americana, onde está a  Indústria de Confecções Kacyumara. Em 1993, sai das atividades na empresa Kacyumara, montando uma loja de materiais elétricos e hidráulicos, Paris Hidroluz, ficando até o ano de 2000, onde reviveu o ramo de atividade do início da carreira. Em 2001, abriu uma construtora, sendo responsável pela construção de vários imóveis.

 

Na área religiosa e filantrópica, é frequentador da Igreja do Nazareno Central. Em 2004, foi convidado para participar da Associação Evangélica Nazareno de Americana, realizando uma série de atividades. Inicialmente, promoveu a criação de uma padaria-oficio no São Jerônimo, com a certificação de mais de 15 pessoas. Porém, o projeto não teve continuidade em virtude de falta de recursos humanos e financeiros;

 

Ainda em 2004 do mês de maio implantou o Restaurante Popular Prato Cheio no Bairro Antonio Zanaga, para atender aos moradores de rua e às pessoas em vulnerabilidade social, servindo um prato de comida por um real. Atualmente, o restaurante serve até 300 refeições por dia. Também foi implantado nos mesmos moldes o restaurante na Praia dos Namorados.

 

Trabalhou também na implantação do projetoFralda Solidaria, com a distribuição de cerca de 3.000 peças por mês gratuitamente às pessoas que não tem recursos financeiros.

 

Colaborou na criação do projeto de Escola de Música, que ministrou por 3 anos até o ano passado, com a formação de 26 alunos, todos certificados pala entidade. É diretor administrativo da AENDA desde 2004.

 

 


Escrito por: Assessoria de Comunicação

Categoria: Sessões Solenes

Compartilhe essa notícia

Notícias Relacionadas