Meche sugere auxílio emergencial para empresas e microempreendedores

Publicado em: 25 de junho de 2020

Selecione a Imagem

O vereador Marschelo Meche (PSL) protocolou na secretaria da Câmara Municipal de Americana uma indicação para estudo de viabilidade e proposição de projeto de lei para concessão de auxílio financeiro emergencial às empresas e microempreendedores afetados pelas medidas restritivas durante a pandemia de Covid-19.

 

Segundo o parlamentar, considerando o momento atual de medidas restritivas às atividades econômicas no estado de São Paulo, o poder público municipal deve se valer de medidas econômicas que mitiguem os efeitos da crise, de forma similar ao que vem sendo executado no plano federal. “No cenário atual, as atividades impactadas diretamente pelas restrições são bares, restaurantes e similares, salão de beleza, academia, teatro, cinema, escolas e área de transporte”, explica.

 

Meche destaca ainda que empresas e profissionais têm perdido receita de forma significativa, em muitos casos implicando em falência e dispensa de funcionários. Conforme a cidade se encaixa nas fases mais brandas do Plano São Paulo de reabertura, os benefícios podem ser ampliados ou restringidos. “Já podemos sentir os efeitos da crise. A balança comercial de Americana registra déficit de U$ 57 milhões, com queda de 22% nas importações e de 11% nas exportações. Nossa cadeia produtiva industrial e o setor de serviços estão sendo seriamente afetados e o poder público não pode ficar omisso nisso”, conclui.

 

A indicação será relacionada na pauta da sessão ordinária da próxima quinta-feira (2).


Escrito por: Coordenadoria de Comunicação

Categoria: Marschelo Meche

Compartilhe essa notícia

Notícias Relacionadas